01/12/2009

Saudade



╔══΅◦.ﻶﻍﻶﻍﻍﻶ¨.◦΅΅◦.ﻶﻍﻶﻍﻍﻶ¨.◦΅═══╗



Desejo reter em minha memória a sua lembrança.
Cada sorriso que iluminava meu olhar.
Cada olhar que preenchia cada vazio de meu coração.
Cada toque que exasperava minha alma
com a suavidade de uma brisa e, as
conseguências devastadoras de um furacão.
Tocar suas mãos
era ter a segurança do mais corajoso exército,
que também derrotava.
Derrotas que se tornavam vitórias
no aconchego acolhedor de teu abraço,
Quando então voltava a ser criança aflita,
até que o beijo comburente de tua boca,
mais de uma vez
rasgasse a mulher em mim.
Nenhum átomo de meu corpo ousava manter-se inerte
a pirotecnia que fazia explendor em meu ser,
quando nossas luzes coalesciam,
e iluminavam,e dilatavam, e estremeciam,
e contraiam e vibravam
cada infimo espaço desse infinito universo.
Em meu âmago guardo tua lembrança, que nunca hei de esquecer.

╚═══΅◦.ﻶﻍﻶﻍﻍﻶ¨.◦΅΅◦.ﻶﻍﻶﻍﻍﻶ¨.◦΅═══╝

2 Foram gentís...:

Carlos Augusto Matos disse...

Saudade é um mal que machuca tanto... Mas é bom ter saudade quando vc sabe que daqui há alguns dias vc vai essa pessoa, essa é uma saudade saudável...

Bjux... Obrigado por visitar meu blog

Estou seguindo o seu...

Antonio Paulo disse...

Parabéns por esse belo e sentimental espaço. " Meu Mundo Particular" com essa bela poesia " Saudade " expondo assim sentimentos que ficaram marcados de forma inegável. Um abraço desse que passa a ser seu seguidor também. Grato por sua visita em Vivendo em Versos.